Glorificado

“Agora, é glorificado o Filho do Homem, e Deus é glorificado nele. Se Deus é glorificado nele, também Deus o glorificará em si mesmo e logo o há de glorificar” (João 13:31-32).

“Jesus falou essas coisas e, levantando os olhos ao céu, disse: Pai, é chegada a hora; glorifica a teu Filho, para que também o teu Filho te glorifique a ti… Eu glorifiquei-te na terra, tendo consumado a obra que me deste a fazer” (João 17:1, 4).

Ser glorificado é ter todas as qualidades, belezas e atributos da pessoa que está sendo levada à plena exibição. O Senhor Jesus, tanto em Seu caminho perfeito quanto na Sua poderosa obra do Calvário, glorificou totalmente a Deus, seu Pai. Em outras palavras, toda qualidade, beleza e atributo de Deus brilhavam Nele em excelência inquestionável, e no final o Senhor poderia dizer com confiança: “Eu glorifiquei-te”.

Ao pensarmos nisso, a resposta de nossos corações será como João que escreveu: “a Ele, glória e poder para todo o sempre. Amém!” (Apocalipse 1:6).

Baseado nos textos de Jim Hyland

Compartilhe...