Segurança

“Ora, o Deus de paz, que pelo sangue do concerto eterno tornou a trazer dos mortos a nosso Senhor Jesus Cristo, grande Pastor das ovelhas, vos aperfeiçoe em toda a boa obra, para fazerdes a sua vontade, operando em vós o que perante ele é agradável por Cristo Jesus, ao qual seja glória para todo o sempre. Amém!” (Hebreus 13:20-21).

Uma noite, depois de uma reunião do evangelho, uma jovem voltou para a sala desejando falar comigo. Depois de alguns minutos de conversa, descobri que, embora ela cresse que o Senhor Jesus Cristo havia morrido para salvá-la e seus pecados limpos pelo precioso sangue expiatório, ela ainda não descansava sobre sua salvação e segurança eterna, dizendo que tinha medo de perder ou deixa-Lo ir.

Eu então perguntei a ela: “Você pode descansar nEle como Aquele que “padeceu uma vez pelos pecados, o justo pelos injustos, para levar-nos a Deus” (1 Pedro 3:18)?”

Ela imediatamente respondeu: “Sim, eu posso! Sei que João 10:11 diz: “o bom pastor dá a sua vida pelas ovelhas”.

Vendo que a dificuldade da jovem era que, embora tivesse fé Nele como quem havia morrido e ressuscitado por ela, ela não tinha fé Nele como um Salvador todo-poderoso e pastor das ovelhas que está na glória de Deus no céu neste momento.

Então disse: “Suponha que você possa ver um pastor atravessando o campo com um cordeiro perdido nos braços, diga-me o pastor estaria carregando o cordeiro, ou o cordeiro carregando o pastor?”

“Claro que o pastor estaria carregando o cordeiro”, foi sua resposta.

“Sim”, concordei e fiz outra pergunta: “Agora me diga, quem é você, o cordeiro ou o pastor?”

“O cordeiro”, ela respondeu.

“Exatamente; e você vê que o cordeiro não segura o pastor, mas o “Bom” e o “Grande” pastor, o Senhor Jesus, segura em seus braços todo-poderosos o pequeno cordeiro, e o leva em segurança para casa no céu? Isaías 40:11 diz: “apascentará o seu rebanho; entre os braços, recolherá os cordeirinhos e os levará no seu regaço; as que amamentam, ele as guiará mansamente“.

“Sim, entendo”, disse ela, “e agora posso descansar em calma e em segurança nEle”.

“Graças a Deus”, eu disse, “e agora vamos nos ajoelhar e louvá-Lo por Sua graça em dar a Si mesmo por nós, e por Seu infinito poder e força em nos levar com segurança por todos os perigos e circunstâncias de vida”.

Fizemos isso, e ela se levantou e seguiu seu caminho, feliz e regozijando-se no Senhor.
Que Deus use esta breve e simples história para estabelecer muitas de Suas ovelhas e cordeiros no infinito amor e poder do Senhor Jesus Cristo, como o único Salvador e Grande Pastor de Seu rebanho.

“Que homem dentre vós, tendo cem ovelhas e perdendo uma delas, não deixa no deserto as noventa e nove e não vai após a perdida até que venha a achá-la? E, achando-a, a põe sobre seus ombros, cheio de júbilo; e, chegando à sua casa, convoca os amigos e vizinhos, dizendo-lhes: Alegrai-vos comigo, porque já achei a minha ovelha perdida” (Lucas 15: 4-6).

Baseado nos textos de Jim Hyland

Compartilhe...