Diário do Cristão para o Domingo

Consumado

“Está consumado” (João 19:30).

Essas gloriosas palavras, proferidas pelo Senhor Jesus na cruz no final das três horas de trevas, não foram palavras de derrota, mas de vitória. A obra da expiação estava completa, e o Senhor Jesus estava prestes a dar Sua vida em obediência a Deus, Seu Pai. Anteriormente, Ele tinha dito com absoluta certeza: “Eu glorifiquei-te na terra, tendo consumado a obra que me deste a fazer” (João 17:4).

Hoje, olhamos para o Calvário e recordamos às nossas mentes e corações uma obra completa. Uma obra que custou a Deus entregar o Seu Filho; uma obra que envolveu o Senhor Jesus levando nossos pecados naquelas horas de trevas; uma obra que Lhe custou Sua vida e o derramamento de Seu sangue.

Agora, Ele está ressuscitado dentre os mortos, elevado ao céu, e vivendo à destra de Deus. Em breve, Ele virá nos chamar para o lar, para estarmos com Ele próprio na casa do Pai. Enquanto isso, nós O adoramos e louvamos por essa obra consumada que glorificou a Deus e nos assegurou nossa bênção eterna. Ecoamos as palavras: “Digno és… porque foste morto, e com o teu sangue nos compraste para Deus” (Apocalipse 5:9).

Jim Hyland

Compartilhe...