Diário do Cristão para a Sexta-Feira

A Videira do Amor

Em muitas das ilhas do Caribe que estou visitando, existe uma planta que aqui chamam de “Videira do Amor”, cujo nome científico é Cassytha filiformis. Essa videira subtropical parasitária forma densas esteiras de caules finos e entrelaçados, que variam de uma cor verde pálida, até um amarelo-esverdeado e alaranjado, cobrindo as plantas hospedeiras. Ela se alimenta dos nutrientes da planta que abraça e, eventualmente, a sufoca e mata. Isso não soa muito como amor, não é verdade?

No entanto, há uma “Videira verdadeira” (João 15:1). Quando Ele, o Senhor Jesus, nos abraça com Seu amor, é para nos nutrir e nos alimentar de modo que haja crescimento cristão saudável em nossa vida espiritual. Como crentes, somos exortados pelo Próprio Senhor: “Estai em mim, e eu em vós; como a vara de si mesma não pode dar fruto, se não estiver na videira, assim também vós, se não estiverdes em mim. Eu sou a videira, vós as varas; quem está em mim, e eu nele, esse dá muito fruto; porque sem mim nada podeis fazer” (João 15:4,5).

Desfrute de Seu amor diariamente, ande em Sua companhia, e você encontrará vida e paz tal qual você nunca conheceu antes. Aqui está qual será o resultado: “Se vós estiverdes em mim… [dareis] muito fruto” (João 15:7,8).

Jim Hyland

Compartilhe...