Pare e Considere

À medida que os dias, meses e a vida passam rapidamente, de vez em quando, é bom parar e considerar apenas olhando para a bondade de Deus, nosso Pai, o como nos conduziu até este ponto, até esse momento. Os filhos de Israel foram instruídos: “E te lembrarás de todo o caminho pelo qual o SENHOR, teu Deus, te guiou no deserto estes quarenta anos, para te humilhar, para te provar, para saber o que estava no teu coração, se guardarias os seus mandamentos ou não” (Deuteronômio 8:2).

Quando olhamos para o que já passamos, não apenas aprendemos sobre a fidelidade de Deus conosco, mas também somos lembrados de Seu amor, graça e misericórdia, apesar de nosso fracasso, esquecimento e pecado. Nem sempre apreciamos nossas circunstâncias e as experiências à medida que passamos por elas, nem sempre agradecemos no momento. Mas olhar para trás e ver as coisas de uma perspectiva diferente nos ajuda a perceber que existe “alguém” que sabe melhor. Também nos ajuda a seguir as instruções de Davi quando ele disse: “Entrega o teu caminho ao SENHOR; confia Nele, e Ele tudo fará” (Salmo 37:5).

 “Considera as obras de Deus; pois quem poderá endireitar o que ele fez torto?” (Eclesiastes 7:13).

No céu, olharemos para trás e analisaremos novamente todos os Seus caminhos conosco, e O louvaremos para sempre ao percebermos a perfeição com que nos conduziu. Quando a jornada de Israel no deserto é resumida nos Salmos, é dito assim: “E os conduziu por caminho direito” (Salmo 107:7). Sem dúvida, vamos dizer algo semelhante quando entendemos plenamente que “Ele NOS conduziu por caminho direito”.

Coisas que pensávamos que nunca seriam corrigidas, e outras que não entendemos nesta vida serão esclarecidas. “o torto far-se-á direito, e os lugares escabrosos planos” (Isaías 40:4).

No céu, teremos tempo de sobra para considera-Lo e louva-Lo por todos os seus caminhos conosco. No entanto, que possamos parar e considerar sobre Seus caminhos hoje, e mesmo que não tenhamos a compreensão de tudo, seguiremos com um coração grato e uma apreciação renovada do Senhor.

Baseado nos textos de Jim Hyland

Compartilhe...