Epístolas da prisão

O apóstolo Paulo passou muito tempo em prisões por causa de seu testemunho do Senhor. Enquanto esteve preso em Roma ele escreveu 5 epístolas. Abaixo, declarações muito breves, mas que são úteis esboços sobre o tema de cada uma delas:
Colossenses  –  o lado positivo do evangelho: união com Cristo em glória.
Efésios  –  a igreja: o corpo unido a Cristo sua cabeça.
Filipenses  –  devoção pessoal.
Filemon  –  justiça prática pela graça.
2 Timóteo  –  fidelidade pessoal nos “últimos dias” (2 Timóteo 3:1).
Paulo sempre aceitou sua prisão do Senhor. Cinco vezes ele se referiu a si mesmo como o “prisioneiro de Jesus”, ou alguma expressão semelhante. (Efésios 3:1 e 4:1; 2 Timóteo 1: 8; Filemon 1:9). Ele poderia dizer: “em prisões muitas vezes” (2 Coríntios 11:23). Que bênção ele era para os outros, e Deus o usou de uma forma poderosa talvez porque ele aceitou suas circunstâncias do Senhor e as usou em Seu serviço. “Quando sou fraco, então sou forte”. O poder de Deus se aperfeiçoa na fraqueza.

Baseado nos escritos de Jim Hyland

Compartilhe...