Diário do Jovem Cristão para a Terça-Feira

Arte Corporal (Tatuagem e Piercing) – Parte 1

Piercing e tatuagem, inicialmente coisas associadas com o paganismo, recentemente tornaram-se muito mais populares e socialmente aceitáveis — até mesmo entre cristãos professos. Marcas no corpo do crente não são necessariamente pecaminosas em si mesmas. Nosso Senhor leva marcas dos pregos e da lança. “Mostrou-lhes as suas mãos e o lado” (João 20:20). “E, dizendo isto, mostrou-lhes as mãos e os pés.” (Lucas 24:40). Ele foi perfurado (do inglês, pierced), e Ele está eternamente marcado por sua obediência até a morte. Mas, além da crescente evidência de que tais práticas são distinta e permanentemente nocivas para o corpo, há algumas considerações das Escrituras sobre esse assunto para os seguidores fiéis do Senhor. Se você está considerando fazer tatuagem ou piercing, por favor, considere cuidadosamente as seguintes passagens, perguntas e observações:

“Não fareis lacerações na vossa carne pelos mortos; nem no vosso corpo imprimireis qualquer marca. Eu sou o Senhor.” (Levítico 19:28). Piercing (perfurações) e marcas no corpo são historicamente associadas com o paganismo e escravidão. Deste versículo aprendemos que não é agradável a Deus.

(Mais amanhã.)

Compartilhe...