Diário do Cristão para a Quinta-Feira

Salmo 23 — Parte 3

“Deitar-me faz em verdes pastos” (Salmos 23:2).

Pastos e campos na Bíblia geralmente falam de alimentação pessoal em Cristo e de desfrute e comunhão individual com Ele. “Sabei que o Senhor é Deus… somos povo seu e ovelhas do seu pasto” (Salmos 100:3). “Eu sou a porta; se alguém entrar por mim, salvar-se-á, e entrará, e sairá, e achará pastagens” (João 10:9). São aqueles momentos quietos e tranquilos que passamos em Sua presença, meditando e tendo nossas almas alimentadas e satisfeitas com Ele próprio. Você já observou um rebanho de gado deitado em um pasto, ruminando contentes e desfrutando da grama ao redor deles? Ou um rebanho de ovelhas se movendo lentamente através de um prado, mordiscando o tapete verde por onde passam? Que lição espiritual importante aprendemos da natureza. Precisamos de tempos de silêncio e quietude para nossa alimentação pessoal. A vida hoje em dia é muito corrida, e, se não arranjarmos tempo, o Bom Pastor frequentemente nos fará deitar e passar um tempo contemplando e tendo comunhão Consigo mesmo. Sejamos como Isaque, que “saíra a orar no campo, à tarde” (Gênesis 24:63). Esse é o prazer do Pastor!

Jim Hyland

Compartilhe...