Diário do Cristão para a Quinta-Feira

Jovens das Escrituras

Rute

Rute foi uma jovem caracterizada pela fé e convicção. Quando era uma jovem viúva, ela abraçou o Deus de sua sogra Noemi e, embora houvesse muitos fracassos na família, ela estava convencida de que esse era o Deus vivo e verdadeiro. Nada a dissuadiria, mesmo quando sua própria cunhada Orfa voltou atrás.

Ela também entendeu o princípio da graça. Quando teve permissão de colher no campo de Boaz, “ela caiu sobre o seu rosto, e se inclinou à terra; e disse-lhe: Por que achei graça em teus olhos, para que faças caso de mim, sendo eu uma estrangeira?” (Rute 2:10).

Em todos os altos e baixos da vida, o Senhor a abençoou, e ela acabou se casando com Boaz, um homem piedoso que realmente a amava. Um filho lhe nasceu com o nome de Obede, e Rute é mencionada na genealogia do Senhor em Mateus 1:5.

Uma grande lição que aprendemos com a história de Rute é que, apesar do fracasso e das dificuldades, podemos sempre, pela graça de Deus, superar e, no final, sermos usados ​​para abençoar os outros. Reserve um tempo para ler por si mesmo(a) sua história em espírito de oração.

Jim Hyland

Compartilhe...