Gênesis 23:1-20

(recomendamos que leia esse trecho em sua Bíblia antes de prosseguir)
Um sepulcro é tudo o que Abraão possuirá nesta terra de Canaã que, no entanto, é prometida a ele. Ao comprar o campo e a caverna de Macpela para enterrar Sara, o homem de Deus confirma sua certeza na expectativa da ressurreição.

Para ele, Sara está viva com uma vida divina. Então é necessário certificar-se de todos os direitos sobre o local onde será colocado o seu corpo, uma vez que o corpo será ressuscitado. O preço total pago pela caverna e pelo campo nos lembra os direitos adquiridos permanentemente pela cruz de Cristo – a morte vencida e a certeza da iminente ressurreição de todos os crentes.

Assim como no capítulo 14, em que o vimos recusar a proposta do rei de Sodoma, Abraão não pretende ser devedor de ninguém. Ele insiste em pagar o valor total do campo, sem qualquer barganha. Um cristão é reconhecido em todos as suas relações com as pessoas do mundo pela sua correção e absoluta honestidade. Somos exortados no Novo Testamento a não dever a ninguém coisa alguma (Romanos 13:8), a “andar honestamente para com os que estão de fora” (1 Tessalonicenses 4:12) e, finalmente, a procurar “o que é honesto, não só diante do Senhor, mas também diante dos homens” (2 Coríntios 8:21, ver também Romanos 12:17).

Este longo relato detalhado certamente nos mostra a alta estima em que Abraão era tido por seus vizinhos. Como é bom termos nossos vizinhos pensando bem de nós! Não que devamos tentar ser populares para com eles, pois um crente fiel no Senhor Jesus jamais será popular para com o mundo (João 15:18-19 e 1 João 3:13). Você verá o quão próximos eram Abraão e Sara se abrir em Hebreus 11:11-13 e 1 Pedro 3:5-6. Abra em Hebreus 11:3-14 para ver que dentro do coração de Abraão ele possuía algo que estava além das lágrimas e da sepultura. A morte é para o crente uma combinação de lágrimas e esperança. Veja 1 Tessalonicenses 4:13-18.

Texto baseado em diversos autores que se reuniam apenas ao Nome do Senhor no século XIX e XX.

Compartilhe...