O dom de Deus

 O Senhor Jesus sentou-se cansado à fonte de Jacó. Ele veio em amor para salvar o Seu povo dos seus pecados, mas eles não O receberam. Seu coração terno estava cansado e triste quando Ele se sentou.

Uma desprezada mulher samaritana veio com seu cântaro de água para o poço. Ela era uma pobre mulher miserável vivendo em claro pecado, sem perceber que o olhar daquele que sabe tudo o que ela fez estava sobre ela.

Era quase meio-dia quando ela chegou ao poço e ficou perplexa porque um judeu pediu que lhe desse água. Disse-lhe Jesus: Se tu conheceras o dom de Deus e quem é o que te diz: Dá-me de beber, tu lhe pedirias, e ele te daria água viva.

Observe que Ele não disse: “Se você não fosse uma pecadora tão grande”, nem “Se você mudar e se tornar uma mulher santa, então eu lhe darei água viva”. Não, Ele a deixou saber que Ele sabia tudo o que ela já tinha feito. Mas havia tanta piedade, graça e compaixão em Seu rosto – tão terno amor ao pecador naquelas palavras – que conquistou seu coração; isso converteu sua alma.

Cristo – o Filho de Deus, o Salvador dos pecadores – Se fez conhecer a ela, e ela, deixando seu pote de água, foi para a cidade tão cheia de Cristo que, esquecendo sua própria vergonha, disse: “Vinde e vede um homem que me disse tudo quanto tenho feito; porventura, não é este o Cristo?”

Podemos olhar nos olhos daquele que conhece cada pensamento nosso coração desde a infância – e viu tudo que já fizemos – e dizer que não somos pecadores? Por que essa mulher pecadora não foi repelida, mas atraída por Jesus? Se tu conhecesses o dom de Deus! Não importa sua nação e nem quais pecados cometeu, a primeira coisa que você precisa saber e receber é esse dom, esse “presente’ de Deus.

Qual é o dom de Deus? O dom de Deus é vida eterna . Deus enviou Seu Filho para encontrar aquela pobre pecadora samaritana e dar a ela esse presente. Porque Deus amou o mundo de tal maneira que deu o seu Filho unigênito, para que todo aquele que nele crê não pereça, mas tenha a vida eterna.

É um dom, um presente! Não podemos comprá-lo; não podemos merecê-lo. Aquele que sabe tudo o que fizemos, tudo o que somos, coloca diante de você Jesus, crucificado e ressuscitado – Jesus, glorificado.

Você o conhece? Você já o recebeu?

Talvez possamos dizer: “Mas meus pecados são muitos; eles me pressionam; o que devo fazer?” Se você cometeu todo tipo de pecado neste mundo sombrio, o dom de Deus, a redenção através do sangue de Seu Filho, Jesus Cristo, abunda acima de tudo. O sangue de Jesus Cristo, Seu Filho, nos purifica de todo pecado.

Que você receba o presente de Deus. Ele oferece isso graciosamente. Receba-o e, como esta mulher de Samaria, conte as boas novas aos outros.

Extraído da Revista “Ecos da Graça: 1990-1992”.

Compartilhe...