Não consigo evitar

“Sempre faço as coisas que Lhe agradam” (João 8:29).

Muitas vezes o temperamento costuma ser uma desculpa para uma conduta indesculpável. Quantas vezes ouvimos dizer: “Eu sou assim, não consigo evitar”. O dicionário define temperamento como “a constituição física e mental específica de um indivíduo”.

Então, reconhecemos o fato de que existem diferenças entre as pessoas. Cada um de nós é diferente, sendo assim, nossas reações variam bastante.

Se, no entanto, somos cristãos, nunca devemos esquecer que, embora a conversão não mude o temperamento, isso revela a possibilidade de que a graça possa controlar o temperamento e o nosso gênio. Embora sejamos rápidos em perceber e nos ressentirmos das explosões de outros, algo bem diferente de Cristo, devemos nos perguntar se sempre revelamos um espírito semelhante ao Nosso Senhor.

Que possamos estar tão prontos para desculpar aos outros quanto nós mesmos, e que possamos nos encorajar no fato de que Cristo é capaz de fornecer graça para subjugar o que precisa ser subjugado, dominar o que precisa ser dominado. Ele nos garantiu: “Minha graça te basta” (2 Coríntios 12:9).

Baseado nos textos de Jim Hyland

Compartilhe...