Diário do Jovem Cristão para a Quarta-Feira

A Grande Vitória de Jacó — Parte 1

“Jacó, porém, ficou só; e lutou com ele um homem, até que a alva subiu. E vendo este que não prevalecia contra ele, tocou a juntura de sua coxa, e se deslocou a juntura da coxa de Jacó, lutando com ele. E disse: Deixa-me ir, porque já a alva subiu. Porém ele disse: Não te deixarei ir, se não me abençoares.” (Gênesis 32:24-26)

Há momentos em nossa vida em que, assim como Jacó, somos deixados sozinhos com o Senhor. Esses, muitas vezes, são tempos em que o Senhor deseja nos dizer algo em segredo ou nos ensinar alguma lição especial. Nesse incidente na vida de Jacó, o encontramos sozinho e lutando com “um homem”. Note que não foi apenas por alguns minutos, mas levou até o amanhecer. Jacó colocou toda sua força nessa luta, com todas as suas capacidades naturais e conhecimento humano de luta. E não se engane, ele mostrou ao homem que era um lutador forte. Quando o homem disse: “Deixa-me ir”, Jacó o reconheceu como o Senhor e pediu-Lhe uma bênção. No entanto, a bênção não podia ser dada sem que Ele tocasse a juntura de sua coxa. Assim é em nossa vida. O Senhor deve permitir que algo nos mostre nossa própria fraqueza antes de podermos confiar inteiramente em Seu poder.

Compartilhe...