Diário do Cristão para a Quinta-Feira

Salmo 23 – Parte 1

“Um salmo de Davi”.

Ao ler os Salmos, é importante notar que os títulos desses Salmos não foram adicionados pelos tradutores, mas fazem parte dos manuscritos originais. Portanto, concluímos que eles fazem parte da palavra inspirada de Deus e merecem consideração. Os títulos que muitos salmos carregam geralmente nos dão o nome do autor e introduzem o assunto do escritor inspirado. Ao considerarmos este Salmo, é instrutivo notar o autor. Davi era aquele que em sua juventude era pastor, e de quem seu pai, Jessé, podia dizer: “Está apascentando as ovelhas” (1 Samuel 16:11). Que pessoa melhor para escrever sobre o Senhor como nosso pastor do que alguém que entendeu o que era cuidar, alimentar, saciar a sede, liderar e proteger um rebanho de ovelhas para seu pai?

Este Salmo nos abre pensamentos e confortos abundantes e intermináveis ​​do Senhor Jesus, que disse: “Eu sou o Bom Pastor: o Bom Pastor dá a vida pelas ovelhas. Eu sou o Bom Pastor, e conheço as minhas ovelhas, e das minhas sou conhecido” (João 10:11, 14). É um salmo intensamente pessoal, assim como o cuidado do pastor por cada uma de suas ovelhas individualmente.

Jim Hyland

Compartilhe...