Conforto das Escrituras para a Segunda-Feira

“De maneira que cada um de nós dará conta de si mesmo a Deus.” [1]

Que nenhuma pessoa salva imagine que possa desobedecer à Palavra de Deus e não ser responsabilizada. Que nenhum marido cristão pense que ele pode falhar em “dar honra à mulher, como vaso mais fraco” [2], ou que nenhuma esposa cristã que não se “sujeita a seu marido, como ao Senhor” [3] imagine que Deus não a responsabilizará por isso. Que nenhum filho cristão que não é “obediente a seus pais no Senhor, porque isto é justo” [4], ou pais que não seguem as instruções de Deus de “não provocar à ira a vossos filhos, mas criai-os na doutrina e admoestação do Senhor” [5], que nenhum desses pense que trata-se de assuntos de pouca importância. Se você é empregado de alguém, você deve “obedecer a vossos senhores segundo a carne” [5], e se você for um empregador, você deve “fazer o que for de justiça e equidade a vossos servos” [6]. Igualmente séria é a negligência e desobediência a outras partes da Palavra de Deus, pois seja aqui na Terra agora ou na presença do Senhor em Sua vinda, “cada um de nós dará conta de si mesmo a Deus” [7]. “Porque todos devemos comparecer ante o tribunal de Cristo, para que cada um receba segundo o que tiver feito por meio do corpo, ou bem, ou mal.” [8] Oremos: “Sonda-me, ó Deus, e conhece o meu coração… e guia-me pelo caminho eterno” [9].

Conhecer e fazer a vontade de Deus
Seja esse nosso objetivo a cada dia,
Apesar de todos os sofrimentos e provas
Que nos cercam em nosso caminho.

[1] Romanos 14:12; [2] 1 Pedro 3:7; [3] Efésios 5:22; [4] Efésios 6:1; [5] Efésios 6:4-5; [6] Colossenses 4:1; [7] Romanos 14:12; [8] 2 Coríntios 5:10; [9] Salmo 139:23-24

Compartilhe...