Diário do Cristão para a Sexta-Feira

Página de Perguntas Mensal — Parte 1

Pergunta: Você pode, por favor, explicar o significado de Marcos 9:38-40?

Resposta: “Mestre, vimos um que em teu nome expulsava demônios, o qual não nos segue; e nós lho proibimos, porque não nos segue. Jesus, porém, disse: Não lho proibais; porque ninguém há que faça milagre em meu nome e possa logo falar mal de mim. Porque quem não é contra nós, é por nós.”

Os discípulos pensaram que estavam sendo justos em proibir o homem de expulsar demônios. Mas eles esqueceram que, mais cedo, eles tinham falhado em fazer exatamente isso. “E, quando entrou em casa, os seus discípulos lhe perguntaram à parte: Por que o não pudemos nós expulsar?” (v. 28). Eles receberam autoridade, mas lhes faltava poder. “E nomeou doze para que estivessem com ele e os mandasse a pregar, e para que tivessem o poder de curar as enfermidades e expulsar os demônios” (Marcos 3:14,15). O poder que lhes faltava é indicado na resposta do Senhor à pergunta deles: “Esta casta não pode sair com coisa alguma, a não ser com oração e jejum” (Marcos 9:29). Dependência dEle e abnegação eram necessárias. (Continua no próximo mês.)

Jim Hyland

Conforto das Escrituras para a Sexta-Feira

“Ouve-me quando eu clamo, ó Deus da minha justiça, na angústia me deste largueza; tem misericórdia de mim e ouve a minha oração.” [1]

É quando estamos “na angústia”, em lugares apertados e estreitos, e quando recebemos tais circunstâncias da maneira correta, como vindas da mão do Senhor, que crescemos espiritualmente. Pois “toda a correção, ao presente, não parece ser de gozo, senão de tristeza, mas depois produz um fruto pacífico de justiça nos exercitados por ela” [2]. “Tenho visto o trabalho que Deus deu aos filhos dos homens, para com ele os exercitar” [3]. Assim, quando a aflição e os problemas surgem, peçamos ao Senhor por uma atitude correta em relação a eles, e por crescimento espiritual, para que isso possa aumentar nossa semelhança a Cristo. Então podemos dizer com o salmista: “Trouxe-me para um lugar espaçoso; livrou-me, porque tinha prazer em mim” [4]. “Eu me alegrarei e regozijarei na tua benignidade, pois consideraste a minha aflição; conheceste a minha alma nas angústias. E não me entregaste nas mãos do inimigo; puseste os meus pés num lugar espaçoso” [5]. “Alargaste os meus passos debaixo de mim, de maneira que os meus artelhos não vacilaram” [6]. “Invoquei o Senhor na angústia; o Senhor me ouviu, e me tirou para um lugar largo” [7].

Em minha aflição, busquei-O;
Ele me deu graça para suportar,
Usando as coisas que me machucam,
Para tornar minha vida mais pura.

[1] Salmo 4:1; [2] Hebreus 12:1; [3] Eclesiastes 3:10; [4] Salmos 18:19; [5] Salmo 31:7-8; [6] Salmo 18:36; [7] Salmos 118:5

Diário do Cristão para a Quinta-Feira

Onde Quer que Eu Esteja

Em uma gaveta de uma escrivaninha que estávamos limpando recentemente, minha esposa e eu encontramos um marca-página com o seguinte dizer:

“Onde quer que eu esteja, é um bom lugar para começar”

É claro que isso tem a ver com abrir o livro que você estava lendo e começar de onde parou da última vez que o fechou.

No entanto, há talvez uma lição espiritual a ser aprendida também. Talvez há alguém dentre nossos leitores que é um verdadeiro filho de Deus, mas que não esteja seguindo o Senhor ultimamente. Talvez você não esteja orando ou lendo a Bíblia diariamente. Lembre-se, há sempre um botão de reinicialização. Você pode confessar essa falha e começar de novo, exatamente onde você está. Davi disse do Senhor: “Ele restaura minha alma”. Mas ele não parou aí. Ele continua dizendo: “Ele me guia nos caminhos da justiça pelo amor de Seu nome” (Salmo 23:3, KJV). Em outras palavras, Ele nos coloca de volta no caminho correto, de modo que possamos continuar no caminho da fé.

Se você fez uma pausa errada em sua vida cristã, não desanime. Onde quer que você esteja, comece de novo, e o Senhor cuidará de você. Ele ama você e quer que você O siga de perto. Ele diz: “Segue-me” (João 21:19).

Jim Hyland

Conforto das Escrituras para a Quinta-Feira

“Regozijo-me no caminho dos teus testemunhos, tanto como em todas as riquezas. Em teus preceitos medito, e observo os teus caminhos. Deleitar-me-ei nos teus estatutos; não me esquecerei da tua palavra” [1]

Quando vamos à Palavra de Deus para obter ajuda e alimento espiritual para nossas almas, não nos esqueçamos de três coisas importantes: Procurar, Estudar e Buscar. “Procurais as Escrituras”, disse nosso Senhor Jesus, “pois nelas pensais ter vida eterna; e são elas que testificam de Mim” [2]. Em outro lugar lemos: “Estude para apresentar-te aprovado por Deus, um obreiro que não precisa se envergonhar, dividindo corretamente a Palavra da verdade” [3], e “Buscai no livro do Senhor, e lede: nenhuma destas criaturas faltará, nenhuma será privada do seu companheiro; porque é a boca dele que o ordenou, e é o seu espírito que os ajuntou” [4]. “Poderás, pela procura, descobrir as coisas profundas de Deus?” [5] Não, a não ser que esteja procurando nas Escrituras, pois nosso Senhor disse: “São elas que testificam de Mim” [2]. Assim, enquanto investigamos as Escrituras, encontramos nosso bendito Senhor revelado nela, e enquanto estudamos, enquanto diligentemente e seriamente buscamos “apresentar-nos aprovados por Deus” [3], aprenderemos a “dividir corretamente a palavra da verdade” [3]. E enquanto “buscamos no livro do Senhor” [4], descobriremos que “bem-aventurados os que guardam os seus testemunhos, que o buscam de todo o coração” [6].

Ele nos revela os Seus tesouros,
Quando O buscamos em Sua Palavra,
Dando alegria e ajuda e bênção,
Mais do que o coração jamais ouviu.

[1] Salmo 119:14‑16 (AA); [2] João 5:39 (KJV); [3] 2 Timóteo 2:15 (KJV); [4] Isaías 34:16 (AA); [5] Jó 11:7 (KJV); [6] Salmo 119:2 (AA)

*AA: Almeida Atualizada; KJV: Tradução livre da versão King James

Diário do Cristão para a Quarta-Feira

Críticas

Recentemente, encontrei grande conforto em uma citação de um livro antigo intitulado “Comida para o Deserto”:

“Se Deus coloca uma pessoa em uma determinada posição e lhe dá um trabalho para fazer, e seus amigos cristãos acham apropriado brigar com ela simplesmente por fazer esse trabalho e ocupar essa posição, então a briga deles na verdade é com Deus, que sabe como resolver isso, e que o fará à Sua própria maneira. A certeza disso dá santa tranquilidade e elevação moral àqueles que trabalham para o Senhor em momentos em que indivíduos invejosos e turbulentos se levantam contra eles.”

Em termos muito simples, o que esse artigo está dizendo é que, se Deus nos deu um serviço para fazermos, devemos fazê-lo apesar de quaisquer críticas que possamos receber. Não temos que tentar justificar a nós mesmos se tivermos a certeza em nosso coração de que estamos fazendo a vontade dEle. Isso não quer dizer que os outros não possam ter bons conselhos e sugestões úteis, mas, no final, precisamos da aprovação do Senhor. A apóstolo Paulo foi questionado e criticado pelos crentes em Corinto, mas ele respondeu dizendo: “Pelo que também nos esforçamos para ser-Lhe agradáveis, quer presentes, quer ausentes” (2 Coríntios 5:9, Almeida Atualizada).

Jim Hyland

Conforto das Escrituras para a Quarta-Feira

“Eis que eu estou convosco todos os dias, até a consumação dos séculos” [1]

Quão bom é saber que “o Senhor… não desampara os seus santos” [2], não, nunca, “porque ele disse: Não te deixarei, nem te desampararei. E assim com confiança ousemos dizer: O Senhor é o meu ajudador, e não temerei o que me possa fazer o homem” [3]. É provável que pensemos erroneamente que, quando tudo vai bem, quando há saúde, amigos e prosperidade material, que então o Senhor está conosco, e que, quando essas coisas faltam, Ele não esteja conosco. Este não é o caso, pois Ele disse: “Não (nunca) te deixarei, nem te desampararei” [3]. Não podemos julgar Sua presença conosco pelos nossos sentimentos, mas pela Sua Palavra fiel, e essa Palavra diz que “o Senhor, pois, é aquele que vai adiante de ti; ele será contigo, não te deixará, nem te desamparará; não temas, nem te espantes” [4]. É triste dizer, mas há aqueles tempos em que “somos infiéis (não cremos), [mesmo assim] ele permanece fiel; porque não pode negar-se a si mesmo” [5]. Que possamos louvá-Lo por Sua presença permanente com os que são Seus, pois “fiel é o que vos chama, o qual também o fará” [6], independentemente de nossas circunstâncias ou de nossos sentimentos. “Esforça-te, e tem bom ânimo; não temas, nem te espantes; porque o Senhor teu Deus é contigo, por onde quer que andares” [7].

Ele nunca abandona os que são Seus,
Embora nuvens possam esconder Sua face;
“Irá a minha presença contigo”,
Esta é Sua promessa de graça.

[1] Mateus 28:20; [2] Salmos 37:28; [3] Hebreus 13:5-6; [4] Deuteronômio 31:8; [5] 2 Timóteo 2:13; [6] 1 Tessalonicenses 5:24; [7] Josué 1:9

Diário do Cristão para a Terça-Feira

Descartável

Vivemos na sociedade do descartável. Parece que tudo é descartável ou, na melhor das hipóteses, feito para não durar muito tempo. Nossas latas de lixo estão sempre cheias, e estamos sempre correndo para a loja para substituir algo.

Mas há uma única coisa que nunca deveríamos jogar fora ou desistir. Essa única coisa é nossa fé no Senhor. A Bíblia nos exorta: “Não rejeiteis, pois, a vossa confiança, que tem grande e avultado galardão” (Hebreus 10:35). Não importam as circunstâncias, ou quão desesperadoras e sombrias as coisas possam parecer exteriormente, precisamos nos apegar a essa confiança interior o tempo todo. No Antigo Testamento, lemos de um homem chamado Jó, que estava passando por algumas provações muito severas em sua vida. Ele perdeu suas posses, sua família e sua saúde. Seus amigos então vieram e falaram com ele de maneira negativa. Parecia quase mais do que ele podia suportar, e, ainda assim, apesar de tudo, ele disse: “Ainda que ele me mate, nele esperarei (confiarei)” (Jó 13:15).

O Senhor valoriza tanto nossa confiança nEle que prometeu nos recompensar por isso. Não joguemos fora nossa confiança nEle. Se você não puder fazer mais nada em uma provação, apenas confie nEle!

Jim Hyland

Conforto das Escrituras para a Terça-Feira

“Companheiro sou de todos os que Te temem e dos que guardam os Teus preceitos” [1]

“Porque todos sois filhos de Deus pela fé em Cristo Jesus. Porque todos quantos fostes batizados em Cristo já vos revestistes de Cristo. Nisto não há judeu nem grego; não há servo nem livre; não há macho nem fêmea; porque todos vós sois um em Cristo Jesus” [2]. “Porque, assim como o corpo é um, e tem muitos membros, e todos os membros, sendo muitos, são um só corpo, assim é Cristo também. Pois todos nós fomos batizados em um Espírito, formando um corpo, quer judeus, quer gregos, quer servos, quer livres, e todos temos bebido de um Espírito” [3]. É o auge da tolice supor que, porque alguém pertence a um certo grupo ou denominação, essa pessoa seja mais aceita diante de Deus do que alguém que pertence a algum outro grupo. Cada verdadeiro crente em Cristo foi salvo pela graça de Deus somente, e somos igualmente feitos “agradáveis (aceitos) a si no Amado, em quem temos a redenção pelo seu sangue” [4]. Portanto devemos “servir uns aos outros” [5], “amar uns aos outros” [6], “levar as cargas uns dos outros” [7], e “sigamos, pois, as coisas que servem para a paz e para a edificação de uns para com os outros” [8]. “Não atente cada um para o que é propriamente seu, mas cada qual também para o que é dos outros” [9].

Amamos todos aqueles que amam o Senhor,
Por mais diferentes que possam ser,
Pois eles são dEle, redimidos pelo sangue,
E amados, assim como nós.

[1] Salmos 119:63; [2] Gálatas 3:26-28; [3] 1 Coríntios 12:12-13; [4] Efésios 1:6-7; [5] 1 Pedro 4:10; [6] 1 João 4:11; [7] Gálatas 6:2; [8] Romanos 14:19; [9] Filipenses 2:4

Diário do Cristão para a Segunda-Feira

Caro Cristão:

A meditação de ontem traz à mente o seguinte encorajamento de um versículo no Antigo Testamento:

“Aos que me honram honrarei” (1 Samuel 2:30).

Existem muitas maneiras pelas quais podemos honrar o Senhor:

  • Uma vida piedosa em obediência à Palavra de Deus é uma honra a Ele.
  • Todas as vezes que damos testemunho, seja pelo que dizemos ou pelo que fazemos, isso Lhe dá honra.
  • Como mencionado ontem, nossa adoração, louvor e ações de graças trazem honra a Ele.
  • Como usamos nosso dinheiro e outros bens temporais podem trazer honra a Ele.
  • Como usamos nosso tempo e energia deveria trazer-Lhe honra.

Como O honraremos esta semana? Em qualquer medida que você honrar o Senhor, Ele valoriza tanto que o recompensará de uma forma ou de outra.

Seu Amigo Cristão,

Jim Hyland

Conforto das Escrituras para a Segunda-Feira

“Os que esperam no Senhor renovarão as forças, subirão com asas como águias; correrão, e não se cansarão; caminharão, e não se fatigarão.” [1]

Isso é realmente uma figura de nos tornarmos mais parecidos com o Senhor, pois “todos nós, com rosto descoberto, refletindo como um espelho a glória do Senhor, somos transformados de glória em glória na mesma imagem, como pelo Espírito do Senhor” [2], pois o Senhor, nessa passagem, tinha acabado de dizer de Si mesmo “que o eterno Deus, o Senhor, o Criador dos fins da terra, nem se cansa nem se fatiga” [3]. Nossa vida como cristãos é comparada a uma corrida, e devemos “correr com paciência a carreira que nos está proposta, olhando para Jesus, autor e consumador da fé, o qual, pelo gozo que lhe estava proposto, suportou a cruz, desprezando a afronta, e assentou-se à destra do trono de Deus” [4]. Nossa vida é também uma caminhada, e nos é dito que “andemos nós também em novidade de vida” [5], e “não andeis mais como andam também os outros gentios, na vaidade da sua mente” [6], mas em vez disso, “andai em amor” [7] e “prudentemente… andais” [8]. Para que “corramos, e não nos cansemos”, e “caminhemos, e não nos fatiguemos” [1] em nossa experiência cristã, primeiramente devemos “subir com asas como águias” [1] para a presença do Senhor, e, assim, em comunhão com Ele, “renovaremos as [nossas] forças” [1].

“Subirão com asas como águias” a Ele,
E assim “renovarão as forças”;
“Correrão, e não se cansarão”;
“Caminharão” com Ele a cada momento.

[1] Isaías 40:31; [2] 2 Coríntios 3:18; [3] Isaías 40:28; [4] Hebreus 12:1–2; [5] Romanos 6:4; [6] Efésios 4:17; [7] Efésios 5:2; [8] Efésios 5:15