GANHO PELO AMOR

link: https://youtu.be/_1VUIzjTNAc
CERTO SOLDADO estava para comparecer perante o seu comandante. Era rebelde e muitas vezes havia sido castigado.

 

— Aqui está outra vez o nome dele sendo mencionado — disse o oficial, ao ler o relatório; — Já foi castigado com prisão, açoites e tudo mais.

 

Nisto o sargento, pedindo licença, disse:

— Há ainda uma coisa que nunca lhe foi feita, comandante.

— E o que é então? — perguntou o oficial.

— Meu senhor — disse o sargento em voz hesitante, — ele ainda nunca foi perdoado.

— Perdoado?! — exclamou o coronel, atônito. Depois, havendo meditado por alguns minutos, ordenou que trouxessem o réu e perguntou-lhe se tinha algo a declarar.

— Nada, meu comandante, a não ser que lamento o que fiz. Voltando-se com ar bondoso e de compaixão para o soldado, que esperava um castigo ainda mais severo que os anteriores, o coronel dirigiu-lhe estas palavras:

— Muito bem; já experimentamos dar-lhe toda espécie de castigos, e agora estamos resolvidos a… perdoá-lo! Pasmado, as lágrimas saltaram-lhe dos olhos, e o homem chorava como uma criancinha. Humilhado ao máximo, e agradecendo ao comandante, retirou-se. Para voltar a ser o rebelde incorrigível? Não! Tinha sido ganho pelo amor. Aquele que narrou o caso pôde observá- lo durante anos, e nunca houve militar que melhor se comportasse.

 

Temos aqui algo que nos dá uma pequena ideia de como Deus trata os pecadores. O homem, tantas vezes e de tantas maneiras experimentado, tem sempre falhado. Então, o que Deus deve fazer? A Misericórdia deseja responder: “Seja perdoado”. Mas a Justiça diz: “Não”, pois “o salário do pecado é a morte”, e “sem derramamento de sangue não há remissão”, ou retirada, de pecado (Hebreus 9.22). Não se pode comprometer a santidade de Deus. A morte tem que ser aplicada como castigo do pecado; embora o amor e a graça de Deus O levem a desejar a salvação do pecador, a Sua justiça — que é tão infinita como é a Sua misericórdia — não pode deixar de ser satisfeita. “Seja-vos pois notório, varões irmãos, que por ESTE se vos anuncia a remissão dos pecados. E… por Ele é justificado todo aquele que crê” (Atos 13.38-39).

 

Quem será ESTE? É o Senhor Jesus, o bendito, santo Filho de Deus. O salário do pecado foi pago ao nosso Salvador na cruz. É esta a base do perdão que Deus nos concede. “Deus prova o Seu amor para conosco, em que Cristo morreu por nós, sendo nós ainda pecadores” (Romanos 5.8). “A benignidade de Deus te leva ao arrependimento” (Romanos 2.4). “Onde o pecado abundou, superabundou a graça” (Romanos 5.20). “Nós O amamos a Ele porque Ele nos amou primeiro” (1 João 4.19).

 

Tal como sou, Tua compaixão

Venceu toda a oposição;

Para eu pertencer somente a Ti

Cordeiro de Deus, eis-me aqui.

 

Retirado do Livro QUAL O TEU DESTINO?

Veja Também:

Author: Acervo Digital Cristão

Share This Post On